O Brasil de Darcy Ribeiro

O Brasil de Darcy Ribeiro é um documentário muito bacana produzido pela TV Brasil, com direção de Ana Maria Magalhães. O trabalho mostra as diversas facetas deste grande cidadão brasileiro que, através da incessante busca pelo conhecimento, se tornou um dos principais atores da construção da identidade nacional. Também graças a ele, acabei me tornando político.

Uma das características marcantes de Darcy foi a sua facilidade em várias áreas de conhecimento. Como antropólogo e etnólogo indigenista, desbravou nosso país como nenhum outro, vivendo nas aldeias indígenas do Pantanal e da Amazônia por mais de dez anos. Como educador, Darcy doou o que possuía de mais belo para o nosso país. Investiu contra o analfabetismo e lutou pela reforma universitária. Queria construir um novo Brasil para as futuras gerações através da educação.

Além de antropólogo e educador, Darcy era um “fazedor”, como ele mesmo se definia. Como político, lutou pelos mais necessitados e pela construção de um país mais justo e desenvolvido. Foi um dos grandes responsáveis pela concepção dos CIEPs. Tinha certeza que através da educação contínua e de qualidade, poderíamos ter uma nova geração de cidadãos conscientes e engajados. Durante sua vida pública, Darcy foi ministro da Educação e ministro-chefe da Casa Civil do governo João Goulart. No exílio, foi assessor de Salvador Allende. Ao retornar ao Brasil, foi vice-governador do Rio de Janeiro em 1982, secretário de Cultura e coordenador do Programa Especial de Educação, no governo Leonel Brizola. Também foi senador da República de 1991 até sua morte, em 1997.

Darcy nos inspira até hoje por seu legado e preocupação constante com um Brasil igual para todos. Assistam o documentário e conheçam mais sobre a vida desse grande brasileiro: http://tvbrasil.ebc.com.br/o-brasil-de-darcy-ribeiro

UENF completa 18 anos

Semana passada, a Universidade Estadual do Norte Fluminense (UENF) completou 18 anos de existência. Idealizada por Brizola e Darcy Ribeiro, a UENF tem como missão levar qualificação, pesquisas e desenvolvimento ao norte e noroeste fluminense.

Mesmo jovem, a universidade é uma das mais bem avaliadas do país. E, agora, atingindo sua maturidade, esta na hora dela se preparar para expandir seus campi para outras cidades da região. A expansão já estava prevista por seu projetista, Darcy Ribeiro, que participou da construção da Universidade de Brasília, foi convidado a trazer a experiência para o Rio de Janeiro.

A instalação de uma universidade é uma das grandes molas propulsoras de desenvolvimento. Em uma metrópole, o impacto disso não é nítido, mas no interior faz toda a diferença. Ela é responsável por produzir estudos voltados para a vocação regional, gerando tecnologia e alternativas de trabalho e renda.

A escola que o Brasil precisa

As más notícias sobre a educação brasileira ultimamente tem sido tantas que eu decidi colocar o que eu acho que deveria ser feito para mudar o quadro atual. No entanto, não vou falar sobre nenhuma novidade ou sistema revolucionário.

Vou, na verdade, usar um vídeo sobre um modelo de escola que começou a ser implantado no Rio de Janeiro nos anos 80, foi brevemente interrompido e depois retomado no início dos anos 90 até ser praticamente sepultado a partir daí.

O vídeo ao lado foi feito em 1993, época em que computadores eram artigos de luxo e a Internet comercial era um sonho distante.