Pela defesa da democracia e da vontade popular em São Sebastião do Alto!

São Sebastião do Alto é uma pequena cidade da Região Serrana com cerca de nove mil habitantes. Uma cidade com grande potencial, mas que muito pouco foi aproveitado historicamente, como em muitas outras cidades do interior do Estado. Até que em outubro de 2012 uma importante renovação política aconteceu com a eleição de Carmod Bastos para prefeito, um jovem engenheiro funcionário da Petrobrás.

Conheci o prefeito Carmod em minhas andanças pelo interior, participando de uma das inúmeras audiências públicas que ele realizou ao longo do seu mandato. Ali pude perceber que estava frente a um novo modelo de fazer política, com a população sendo chamada para participar diretamente dos rumos e decisões do governo. Com muita transparência e diálogo.

Logo me identifiquei com ele, já que nos meus tempos de vereador em Niterói, fui quem mais realizou audiências públicas na história da cidade, vindo a repetir esse modelo na Secretaria de Estado de Desenvolvimento Regional, Abastecimento e Pesca. Daí nasceu uma grande relação de respeito entre nós, sempre tendo o interesse da população de São Sebastião do Alto, e das regiões próximas, como assunto de nossos encontros e conversas.

Essa mudança na forma de tocar a prefeitura de São Sebastião do Alto incomodou a muitas pessoas mal intencionadas e também as que estavam acostumadas com as velhas e ultrapassadas práticas da política, nas quais o povo era tido como mero espectador da vida política da cidade. E por isso, o prefeito Carmod passou a ser vítima de várias tentativas de golpe e de cassação de seu mandato conferido pelo povo do Alto.

Em 2013 ele chegou a ser cassado, inclusive, mas foi reconduzido ao cargo pela Justiça. Agora, no mais recente episódio de golpe, numa sessão da Câmara de Vereadores realizada no último dia 12, o prefeito Carmod Bastos foi novamente cassado, sem que lhe fosse dado o direito de defesa, sendo negado o direito de mostrar que as novas e requentadas acusações que lhe faziam eram falsas.

Toda solidariedade e apoio ao prefeito democraticamente eleito Carmod Bastos! Sei que é um homem de bem, sério, honesto, comprometido com sua cidade e muito trabalhador. Toda solidariedade ao povo de São Sebastião do Alto, que teve roubada a sua vontade manifestada nas urnas! Golpistas, não passarão!

Aos que quiserem saber um pouco mais sobre o assunto, sugiro a leitura de um texto feito pelo próprio Carmod, disponível em sua página no Facebook, mas que faço questão de reproduzir aqui:

“Acredito que entendam o momento triste, porém histórico que estamos vivendo. E que os mais jovens possam daqui a algum tempo apreciar a nossa luta pela ética e pela moral. O que está em jogo não é apenas que grupo político governará São Sebastião do Alto, mas o que estão fazendo com a democracia, com a vontade popular revelada em outubro de 2012 e com o direito de cada um de nós. Se acreditamos que deve prevalecer a vontade popular e que todos os eleitos são representantes do povo, meu povo, faça valer o seu direito! Basta!

Está na hora de encarar o fato de que não é mais possível conduzir o nosso município com políticos que se acham acima dos direitos, deveres e instituições. Gente que usa ‘coisa pública’ como ‘coisa privada’, debocha da sociedade e desafia a Justiça não cabe mais no país que nossas ruas estão exigindo.Também não dá mais para aceitar facções, quadrilhas e delinquentes que se infiltram em órgãos, estatais ou repartições, onde vivem de privilégios e aparelhamentos partidários.

Nosso município precisa de homens que cumpram as leis, principalmente quando se trata dos homens que fazem as leis, e esses “nobre edis”, além de saber a diferença entre legal e ilegal, precisam saber a diferença entre moral, imoral e amoral. Aliado a esses, ainda existe nas ruas de São Sebastião do Alto, meia dúzia de covardes e incapazes, que perderam a “teta” que os supria e mantinha suas vaidades, esperando que migalhas caiam da mesa dos corruptos! Ai de vocês que se dizem cristãos! O Senhor tudo sabe e tudo vê!

O desenvolvimento vai continuar inviável se depender de políticos assim e de um povo que se deixa manejar como se fosse gado! Acordem! Exijam! É o seu futuro! A sua dignidade! É a sua terra! Todos somos responsáveis! EU FAÇO A MINHA PARTE, E VOCÊS? De braços cruzados vão simplesmente deixar acontecer? Lutem!

Lembrem-se de Quem sois filhos e o que vos pede o nosso Senhor… É para liberdade que Cristo nos libertou! Meu querido povo… Que nosso Deus os Abençoe imensamente e a nosso município neste dia especial, desta terra que amamos! Por dias melhores…“Verás que um filho seu não foge a luta, nem teme quem de adora a própria morte!” Com muito orgulho! – Carmod Bastos.

Acessibilidade e respeito ao cidadão

Niterói é uma das cidades que mais investe em infraestrutura para acessibilidade dos portadores de deficiência no Brasil. Em diversos pontos da cidade é possível encontrar rampas para cadeirantes, sinalização para cegos e ônibus adaptados.

Ao longo da minha trajetória política, trabalhei bastante em benefício destes niteroienses. É de minha autoria, por exemplo, a lei que determina a todas as farmácias e drogarias da cidade disponibilizar a lista de medicamentos genéricos em caracteres Braille.

Em 2009, passou a vigorar outra lei que obriga a colocação de ressalto de concreto na base dos telefones públicos, como forma de sinalização para os deficientes visuais.

Ainda tramita na Câmara municipal outro projeto de lei que obriga bancos e instituições financeiras a adaptarem suas agências e caixas eletrônicos, internos e externos, para permitir livre acesso aos portadores de deficiência às instalações.

Neste tempo, fiz 18 indicações à Prefeitura para construir, reformar e fiscalizar equipamentos públicos para os portadores de deficiência entre outras reivindicações.

Como prefeito de Niterói, pretendo avançar com este trabalho. Estabeleci como uma das metas da minha gestão garantir a acessibilidade aos espaços públicos, privados e de uso coletivo.

Quero ampliar o projeto Niterói Acessível que leva informação e serviços sobre acessibilidade para diversos bairros da cidade.

Vou trabalhar para implantar o Programa de Incentivo para a reforma de calçadas com padronização definida por legislação municipal, revitalizando suas estruturas para dar maior conforto e segurança aos pedestres.

Desejo ver na minha cidade também todos os prédios públicos municipais oferecendo condições adequadas de acesso às pessoas com deficiência e mobilidade reduzida conforme determina a legislação federal.

Assim como pretendo não permitir a circulação de ônibus municipal sem adaptação para ingresso de pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida após 2014 conforme determina o Decreto 5296/2004.

Eu também sempre fui parceiro das entidades que procuram dar mais qualidade de vida a estes nossos habitantes especiais, apoiando as suas demandas.

Enquanto secretário de Estado, estabeleci um convênio com a Associação dos Deficientes Físicos (Andef) para contratar pessoas com deficiência para a Secretaria de Desenvolvimento Regional. Tenho muito orgulho dessa parceria.

Entendo que há muito a ser feito nessa área, principalmente nas regiões distantes do Centro. Mas estou pronto para trabalhar! E conto com você para juntos construirmos a cidade que sempre sonhamos, com uma gestão de respeito ao cidadão. Nossa Niterói do Futuro.

Rumo à vitória!